Palestras e Mesas Redondas

Em construção…

Abaixo estão alguns dos convidados que já confirmaram sua participação.

Palestrantes Confirmados

Palestra: O valor de ensinar sobre tecnologia, bem como de ensinar com tecnologia” ou “The value of teaching about technology as well as teaching with technology” 

Tim Bell
Tim Bell é professor no Departamento de Ciência da Computação e Engenharia de Software da University of Canterbury, Nova Zelândia. Seu projeto “Computer Science Unplugged” (Computação Desplugada) tem sido amplamente utilizado internacionalmente e foi traduzido para mais de 25 idiomas. Tim recebeu muitos prêmios pelo seu trabalho na educação em computação, incluindo o prêmio de 2018 intitulado ACM ACM SIGCSE Outstanding Contribution to Computer Science Education.  Desde 2008 participa ativamente do projeto e desenvolvimento da abordagem para o ensino de tecnologias digitais nas escolas da Nova Zelândia. Ele também toca instrumentos com teclas em preto e branco.

Palestra: Autonomia por meio do desenvolvimento de habilidades do Raciocínio Computacional

Ecivaldo Matos
Ecivaldo Matos é Professor Adjunto do Departamento de Ciência da Computação (DCC) e do Programa de Pós-graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (PPGEFHC) da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Bacharel e Mestre em Ciência da Computação (UFBA, UFCG); doutor em Educação pela Universidade de São Paulo, com bolsa da Fundação FORD; com pós-doutorado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos. Atua como pesquisador do Centro de Estudos Afro-Orientais da UFBA (CEAO) e líder do Grupo de Pesquisa e Extensão Onda Digital (UFBA). Foi membro da Comissão de Educação da Sociedade Brasileira de Computação (2013-2017) e atualmente é bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq – nível 2.

Palestra: Palestra “Roberto Bittencourt (UEFS) – Aprendizagem Significativa e em Espiral na Concepção de um Currículo de Computação na Educação Básica”

Roberto Almeida Bittencourt
Roberto Almeida Bittencourt é professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), onde presentemente coordena o Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação (PGCC/UEFS). Juntamente com seus estudantes e colaboradores, pesquisa os temas de pensamento computacional, ensino-aprendizagem de programação e aprendizagem baseada em problemas e projetos (PBL). Atualmente é coordenador do GIEC/SBC – Grupo de Interesse em Educação em Computação da Sociedade Brasileira de Computação.

Palestra: Panorama Nacional das Tecnologias na Educação e Onde Queremos Chegar

Daniela Costa é Doutora em Educação: currículo e mestre em Comunicação e semiótica, ambos pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Pesquisadora das áreas de linguagem, tecnologias e educação, atualmente coordena a pesquisa TIC Educação, no Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), sobre o acesso, o uso e a apropriação das tecnologias por alunos e professores em escolas de Educação Básica.

Membros de Mesa Redonda Confirmados

Mesa Redonda: Políticas Públicas para as Tecnologias na Educação e a Educação em Computação

André Raabe
André Raabe é Doutor em Informática na Educação pela UFRGS (2005) tendo realizado pos doutoramento na universidade de Stanford (2016). É Bolsista de produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT2). É mestre em Ciência da Computação pela PUCRS (2000) e graduado em Informática pela PUCRS (1996). É professor e pesquisador da UNIVALI (Universidade do Vale do Itajaí) onde Coordena o Programa de Pós Graduação em Computação e atua no Mestrado e Doutorado em Educação. Coordena o Laboratório de Inovação Tecnológica na Educação (LITE) e o Grupo de Informática na Educação da Univali. É membro da Comissão de Educação da Sociedade Brasileira de Computação (SBC). Coordenou em 2017 uma comissão para elaboração de proposta da SBC para Computação na Educação Básica. É editor da revista International Journal on Computational Thinking. É membro do Comitê Gestor da Rede de Inovação na Educação Brasileira. Desenvolve pesquisas sobre Educação em Computação, Pensamento Computacional, Movimento Maker, Software Educacional e Ambientes de Aprendizagem Inteligentes.
José Aires Castro Filho
José Aires Castro Filho possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Ceará (1988), mestrado em Psicologia (Psicologia Cognitiva) pela Universidade Federal de Pernambuco (1992) e doutorado em Mathematics Education – University Of Texas At Austin (2000). Atualmente é professor Titular da Universidade Federal do Ceará, atuando no curso de Bacharelado em Sistemas e Mídias Digitais do Instituto Universidade Virtual e no Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira da Faculdade de Educação. É Líder do Grupo de Pesquisa e Produção em Ambientes Interativos e Objetos de Aprendizagem (PROATIVA) desde 2004. Atua principalmente nos seguintes temas: Informática Educativa e Educação Matemática. 
Bruna Damiana Heinsfeld
Bruna Damiana Heinsfeld é doutoranda em Interdisciplinary Learning and Teaching com concentração em Instructional Technology na University of Texas at San Antonio (UTSA), Estados Unidos. Mestre em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e especialista em Planejamento, Implementação e Gestão da Educação a Distância pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Integrante dos Grupos de Pesquisa Formação Docente e Tecnologias (ForTec/PUC-Rio) e Educação, Tecnologias e Formação Docente (EduTec/UFMS). Co-autora dos livros “Práticas pedagógicas, inovação e tecnologias: breves indagações” (CRV, 2018) e “Tecnologias, pensamento sistêmico e os fundamentos da inovação pedagógica” (CRV, 2019). Pesquisa concepções de tecnologia nos discursos das Políticas Públicas em Educação. 

Mesa Redonda: T-learning, Educação aberta e sem distância

Romero Tori
Romero Tori é formado em engenharia de computação, obteve o título de livre-docente pela USP em Tecnologias Interativas. É professor associado 3 da Escola Politécnica da USP, onde coordena o Interlab (Laboratório de Tecnologias Interativas). Na USP é também docente do Curso de Especialização em Computação Aplicada à Computação. Possui bolsa de produtividade CNPq em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora, na área de Tecnologias Educacionais. Coordenou e tem desenvolvido diversas pesquisas sobre o uso de tecnologias na educação, com ênfase em “educação imersiva”, que envolve o uso de realidade virtual e aumentada. Em seu blog publica matérias relacionadas a tecnologia na educação: http://romerotori.org.
Lattes: http://lattes.cnpq.br/8901320181295016
Fredric Litto
Fredic Michael Litto possui graduação em Rádio-Televisão – University of California, Los Angeles (1960) e doutorado em História do Teatro – Indiana University (1969). É presidente da Associação Brasileira de Educação a Distância desde 1995; Professor Emérito da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, onde lecionou 1971/2006. Foi Fundador-Coordenador Científico da “Escola do Futuro da USP”, laboratório investigando novas tecnologias de comunicação em aplicações educacionais, 1989/2006. Foi Membro do Comitê Executivo do ICDE-International Council of Open and Distance Learning no período 2008/2012, e Membro do seu Board of do Trustees no período 2013/2016; é Membro do Conselho Editorial das revistas científicas: American Journal of Distance Education (EUA),  International Review of Research in Open & Distance Learning(Canadá), Open Learning (Reino Unido), Indian Journal of Open Education (Índia) e Turkish Journal of Distance Education (Turquia). Tem interesse nas áreas de Ciência da Informação, com ênfase em Comunicação Mediada por Computadores, atuando principalmente nos seguintes temas: educação a distância, repositórios digitais, novas formas de trabalhar, integridade acadêmica e comunicação na ciência. (Endereço para acessar este CV:http://lattes.cnpq.br/5570587335317441)
Tel Amiel
Tel Amiel é professor do Departamento de Métodos e Técnicas da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília onde coordena o curso de Pedagogia a Distância e a Cátedra UNESCO em Educação a Distância (UnB). É professor da Universidade de Nova Gorica (Eslovênia) no Mestrado em Liderança em Educação Aberta. 
Foi coordenador da Cátedra UNESCO em Educação Aberta no NIED/Unicamp onde atuou como pesquisador e coordenador. Já foi professor visitante na Utah State University, e visiting fellow na Stanford University e University of Wollongong. Conduz pesquisas sobre a educação publica e formação docente, na intersecção entre educação aberta e tecnologia educacional. Mais informações em amiel.info.

Mesa Redonda: Games e Gamificação em educação

Paulo Henr
ique Serrano
Paulo Henrique Serrano possui graduação em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Federal da Paraíba (2008), mestrado em Programa de Pós-Graduação em Linguística – UFMG pela Universidade Federal de Minas Gerais (2011) e doutorado em Administração pela Universidade Federal da Paraíba (2019). Atualmente é professor da Universidade Federal da Paraíba, do curso de Comunicação em Mídias Digitais. Tem experiência na área de Educação a Distância, Desenvolvimento Web, Gamificação e Marketing Social.
Bruno Palermo
Bruno Palermo é designer de jogos e especialista em gamificação com 15 anos de experiência em empresas como Nokia, Meantime e Gameloft. Tem cerca de 30 jogos publicados em várias plataformas e atualmente é consultor de gamificação na JoyStreet e líder de design na Diorama Digital.
Charles
Charles é Professor Adjunto do Instituto Metrópole Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Norte desde 2012. Tem graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1998), mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco (2001), doutorado (2007) e pós-doutorado (2008) em Informática pela Université Pierre et Marie Curie (Sorbonne Universités). Sua carreira de pesquisador e desenvolvedor tem sido dedicada às áreas de Jogos Digitais, Inteligência e Educação. Tem atuado em diversos projetos de ensino, pesquisa, extensão e inovação nestas áreas. Em 2019, recebeu o prêmio de 1º lugar com o jogo Pharos no II Workshop de Inovação da CAPES, um jogo educacional digital voltado ao processo de ensino-aprendizagem da Matemática. É atualmente coordenador do Programa de Pós-graduação em Inovação em Tecnologias Educacionais (PPgITE), assim como do Laboratório de Jogos Digitais e Tecnologias Imersivas para Educação (GameLab). É também co-fundador da startup Game Mind, que é uma empresa nascente no ramo das tecnologias educacionais (EdTech).